BANHO EM CACHORRO: FAZ BEM OU MAL?

Às vezes você se pergunta: posso dar banho em meu cãozinho? E qual o período certo para isso?

Banho em cachorro: faz bem ou mal?


Algumas pessoas acham que o banho semanal mantém seu animal protegido, mas pode ser o contrário. Sim, banhos em excesso retiram a camada de oleosidade natural da pele do animal e podem permitir a proliferação de fungos e alergias.


Mas tudo depende do tipo de pelagem e estilo de vida do seu amiguinho. Animais com pelos mais curtinhos, que vivem em ambientes sem contato com terra, por exemplo, necessitam de menor número de banhos mensais em comparação aqueles que possuem pelos mais longos (e precisam de escovação) ou que vivem em locais propensos a sujar sua pelagem.


Normalmente os banhos quinzenais são mais aconselháveis, porém, alguns animais que não se sujam muito, podem usufruir de um bom banho mensal apenas.


Vale ressaltar a importância do cuidado com a temperatura da água e com os ouvidos do animal. Além do mais, os produtos utilizados no momento do banho devem ser específicos para eles e devem ser evitados aqueles usados por nós humanos, devido as substâncias presentes que podem afetar o bichinho de alguma maneira.


Após o banho é essencial a secagem dos pelos, para se evitar o “cheiro de cachorro molhado” e possíveis doenças de pele no animal.


Lembrando que visitar um veterinário para tirar todas as dúvidas referentes ao seu companheiro é importantíssimo, pois cada animal tem suas especificidades.